Novo patch de Diablo III

Impressões sobre o novo patch de Diablo III

Oi, pessoas! Tudo lindo,  tudo azul? Meu nome é Thâmara e sou a nova redatora do site, o que significa que vocês verão meus cachos castanhos de vez em quando por aqui. Pra começar, que tal falarmos do patch 2.0 de Diablo 3, meu jogo favorito?

O patch 2.0.1 de Diablo 3 foi finalmente lançado para a região das Américas depois de sofrer 3 atrasos de horário e deixar os fãs roendo as unhas de ansiedade. No final, o jogo acabou sendo lançado de madrugada e boa parte dos fãs brasileiros não puderam jogar porque tinham que trabalhar/estudar no outro dia pela manhã.

As mudanças são visíveis. Apesar de a expansão Reaper of Souls (RoS) só ser lançada no dia 25 de março, toda a arte e as interfaces do jogo foram modificadas, de modo que o inicializador do jogo já mostra o nome da expansão como subtítulo e o ícone do D3 também já está acinzentado.

Os menus

A tela de login não mais apresenta a imagem da catedral incendiando, nem ouve-se mais o barulho dos corvos. Ela já foi incorporada ao tema da expansão e mostra uma lúgubre passagem ladeada por estátuas de guerreiros em armaduras completas e um portão mais à frente.

Assim que o usuário faz login a primeira vez, além de rever o vídeo inicial do jogo (aquele do meteoro atingindo a Catedral), ele é apresentado às novas modificações do patch e ao que virá com a expansão. Entre outras coisas, essa nova janela fala sobre o novo sistema de loot e mostra como será o novo personagem que virá com o RoS, o Cruzado.

news

Grande parte dos menus foram refeitos, e antes de iniciar o jogo o jogador encontra apenas duas opções, sendo uma delas Escolher Modo de Jogo. Ela dá a opção de escolher entre o modo Campanha, onde se pode jogar a história de D3, ou o modo Aventura, que só será desbloqueado com a expansão. No modo Campanha ainda é possível escolher o Ato ou escolher reiniciar as missões, fazendo com que seu personagem volte ao início da história do jogo, porém recebendo as recompensas especiais por conclusão das missões (experiência, ouro e itens). Também é possível escolher a dificuldade, se o jogo será Público, e se você está procurando matar monstros, briga ou chave.

Não existem mais os níveis de dificuldade Pesadelo, Tormento e Inferno, e junto com eles foi embora aquela forma de nivelamento. Agora os níveis de dificuldade são Normal, Difícil, Especialista, Mestre e Suplício, sendo que o último tem variação de 6 subníveis e, quanto maior a numeração do subnível, maiores as recompensas e a porcentagem de experiência ganhas. É possível chegar a um máximo de 1600% de ouro e experiência extras.

O menu de dificuldades tem uma arte belíssima mostrando os cinco heróis em janelas de vitral, cada um em um nível de dificuldade.

O menu de dificuldades tem uma arte belíssima mostrando os cinco heróis em janelas de vitral, cada um em um nível de dificuldade.

No canto inferior direito está o ícone da Casa de Leilões, porém ela não sofreu modificações, até porque será fechada dia 18/03. Há um aviso em vermelho pedindo aos jogadores que retirem seus itens da Casa antes que ela feche, senão os itens serão perdidos. Os itens Lendários e Conjunto saqueados a partir do patch 2.0 são vinculados à conta e, portanto, não podem ser vendidos na Casa, só podendo ser trocados com jogadores que participaram da batalha no qual ele foi saqueado, e apenas durante as próximas 2 horas após o saque. Os outros equipamentos podem ser vendidos na Casa tranquilamente.

Próximo ao ícone da Casa de Leilões está o ícone Comunidades, onde é possível procurar/criar/participar de um Clã ou de uma Comunidade. Só é possível participar de um clã por vez, mas é liberado participar de várias Comunidades. A janela do clã te dá informações sobre quem está online, notícias postadas pelos administradores do Clã, recompensas recentemente recebidas por cada um etc. Também é possível ver o último personagem que cada jogador logou, a partir de uma miniatura que fica na aba Membros.

No Jogo

Todas as classes e a maioria das habilidades foram modificadas e, pelo jeito, foi bastante coisa, porque nem no site da battle.net é possível encontrar a lista com as modificações; ela só será postada depois. A propósito, a janela de Habilidades não sofreu modificações, com a única exceção de uma Habilidade Passiva que será adicionada no nível 70.

A primeira coisa que o jogador vai notar se tiver mais de um personagem é que os Níveis de Excelência são partilhados entre todos os personagens igualmente. Ou seja, é possível ter um personagem nível 1 com Nível de Excelência 200. Sim, é possível chegar ao 200! Na verdade, é possível chegar a um nível muito alto agora, porque não há limite máximo. Os Níveis de Excelência de todos os personagens foram recalculados e unificados para todos os personagens da conta, excetuando-se os personagens Hardcore e os que jogam no nível de dificuldade Normal. Não é difícil encontrar personagens com Nível de Excelência acima dos 500.

Os Níveis de Excelência agora dão pontos para serem gastos em categorias bastante específicas e úteis: Atributo, Ataque, Defesa e Utilidade. Todos tem uma pontuação máxima limitada a 50 pontos, com exceção a Vitalidade e ao atributo principal de dano do personagem. É possível aumentar a Velocidade de Movimento e a Resistência a Tudo, por exemplo. Os antigos bônus de Excelência foram todos retirados do jogo.

paragon-core-no-cap1

Não há mais Valor de Nefalem, o que quer dizer que o personagem não fica mais preso a uma única combinação de Habilidades durante todo o jogo, ficando livre para escolher um conjunto de habilidades que mais se adeque à situação que irá enfrentar.

Os Marcos de Senda (Waypoints) agora são utilizados a partir do Mapa de Marcos de Senda, e não mais por aquela lista com os nomes dos locais.

O teletransporte também pode ser feito clicando-se com o botão direito no retrato do personagem de um companheiro de grupo e escolhendo a opção correspondente. Você será teletransportado diretamente para onde está aquele personagem, sem precisar ter que ir para a cidade primeiro e depois clicar no totem dele. Também, se o personagem morre, ele tem a opção de voltar no exato lugar onde morreu (essa opção é limitada e não funciona em salas de chefe), no último Ponto de Controle ou na cidade. Tudo isso ajuda a deixar o jogo mais dinâmico e foi uma mudança muito bem-vinda.

O mapa ficou bonito, bem feito, mas há quem prefira a antiga lista por achá-la mais simples de usar (principalmente quando se está cercado de demônios por todos os lados).

O mapa ficou bonito, bem feito, mas há quem prefira a antiga lista por achá-la mais simples de usar (principalmente quando se está cercado de demônios por todos os lados).

O sistema de Saque Inteligente 2.0 com certeza foi a maior mudança e a que agradou à maioria esmagadora dos jogadores. Caem menos itens, porém esse sistema faz com que haja uma maior probabilidade de que os itens sejam úteis para aquele personagem, com atributos correspondentes e bônus de habilidade baseado em alguma das habilidades daquele personagem. Itens próprios de alguma classe não tem mais atributos “inúteis” para ela, o que quer dizer que você não encontrará mais uma orbe recheada de Força.

O sistema de craft também está incluído no Sistema de Saque Inteligente e vai gerar sempre um item com atributos úteis ao personagem usado no momento. Isso não se aplica a itens que possuem atributos específicos, como Armadura do Arconte.

Falando em craft, a fabricação de gemas está muito mais barata e não requer mais o Tomo dos Segredos (ele nem existe mais!). Há também uma nova gema, o Diamante, que aumenta Resistência a Tudo se usada em algum item que não seja elmo ou arma; e novas uber gemas, que estarão disponíveis com a expansão.

Há mais um monte de modificações, mas vocês terão que jogar para descobrir todas, ou dar uma olhadela no site da battle.net.

Opinião pós-jogo

Minha primeira impressão: não é o Diablo 3 que eu comprei 2 anos atrás.  O jogo está mais bonito; os menus foram todos modificados; tem mais brilho, mais sombra; e agora eu posso mexer até nos meus atributos! É um novo jogo, mas com o disfarce do Diablo 3.

Quem comprou o Diablo 3 antes das primeiras modificações sabe como era O INFERNO tentar passar a dificuldade Inferno a partir do Ato II. O personagem simplesmente não tinha a menor chance se não estivesse forrado numa grana muito bem gasta em itens de Armadura na Casa de Leilões e, mesmo assim, ainda era um sacrifício. Então veio o Poder de Monstro, o Valor Nefalem e o Nível de Excelência e o Inferno tornou-se muito mais jogável e muitas pessoas voltaram a se interessar por Santuário, inclusive eu.

Eu já achava que o jogo estava frenético e que estava com uma ótima performance, mas aí veio o patch 2.0 e mostrou que o jogo consegue ficar mais frenético ainda e que matar, pilhar e destruir nunca foi tão gratificante. É triste matar um chefe e dropar um item Raro e outro Mágico, apenas, mas é lindo ver que os itens são muito bons e servem direitinho para o personagem. Sem contar que dropar item Lendário está muito mais fácil.

O patch 2.0 instituiu que D3 não precisa da Casa de Leilões, até porque ele tem o saudosismo dos jogos anteriores da franquia, nos quais pilhar itens era essencial para que o personagem encontrasse os melhores itens e ficasse ainda mais forte. A variação de atributos nos itens já não é alta (passou de 1-200 para 140-200), então praticamente todo equipamento pode te servir de alguma forma, o que torna o saque sempre uma surpresa agradável.

Além do mais, a progressão da experiência está muito mais acelerada, principalmente se você jogar em grupo e se mantiver perto de todos (a partir de uma certa distância o bônus de experiência em grupo acaba), além de você ainda poder encontrar Lagos da Reflexão (aumentam em 25% a experiência recebida). Juntando isso ao fato de não haver mais limite para os Níveis de Excelência, D3 tornou-se um jogo de progressão infinita.

Posso dizer que o jogo está mais fácil, porém mais divertido também. “Intenso” é uma boa palavra para resumir tudo no que o novo patch transformou o jogo. É um jogo que vale muito a pena, ainda mais se você tiver amigos com os quais jogar. Se você ainda não possui o jogo, esse é um ótimo momento para agregá-lo ao seu arsenal. Diablo 3 nunca esteve tão divertido.

Dia 25 tem a estreia de Reaper of Souls e eu estarei lá. Vejo vocês em Santuário.

Th_

P.S.: Vão na aba de Clãs e divirtam-se com os nomes dos Clãs mostrados ali. Sério, tem “BIGODE GROSSO” e “Não Temos Tang Limão”. xD