Just Dance também é eSport

Just Dance entra para o time dos eSports

A cada dia que passa, o eSports ganha força, seja pelos prêmios milionários (o Dota 2 Internationals desse ano, por exemplo, vai dar mais de 10 milhões de dólares em premiações) ou pela quantidade de “modalidades”, o que atrai públicos de todos os gostos. Chegou a hora de Just Dance reforçar esse time.

A parceria feita entre a empresa e a ESWC (Eletronic Sports World Cup), um dos principais campeonatos do mundo, torna o game o primeiro game casual no cenário competitivo, junto com títulos como Counter Strike, Call of Duty: Ghosts e FIFA.

Eletronic Sports World Cup

ESWC, a Copa do Mundo de eSports

Embora não seja um fã do título, acho que é uma boa oportunidade inseri-lo nesse cenário. Pessoalmente, não o vejo como um título para o eSport, pois seria uma competição de quem consegue repetir melhor os passos de dança do videogame. No entanto, inserir Just Dance nesse mundo aumenta a visibilidade e a atratividade para jogadores casuais. Quanto mais estilos de jogo, maior o público, menor o preconceito e, por fim, maiores as chances de o eSports ser reconhecido. E isso é o que boa parte de nós queremos, não é verdade?

Além disso, o modo de classificação para a final é bem interessante. Antes das classificatórias oficiais da ESWC que existem ao redor do mundo,  10 pessoas poderão participar das finais jogando pelo modo online World Dance Floor, presente na versão 2014 do título, e mais quatro pelo Just Dance TV, ao enviar seus recordes pela função Autodance, também do Just Dance 2014. Isso significa uma democratização do torneio, já que qualquer um pode participar das etapas eliminatórias, desde profissional até a pessoa que adora se divertir dentro de casa.

As finais da ESWC vão acontecer entre os dias 29 de Outubro e 2 de Novembro, dentro do evento Paris Games Week, na França. Para saber mais sobre o evento e as eliminatórias desse e dos outros games, visite a página oficial aqui.