Tag Archives: diablo 3

Lançamentos - Setembro/2013

Lançamentos do Mês – Set/2013

Saudações reais, galera! Voltando pra falar dos principais lançamentos deste mês de Setembro, quando começa a preparação de fato para os grandes lançamentos do ano. Porém, começaram mais cedo em 2013, com o lançamento do super-esperado-e-aclamado-por-todos GTA V, que daremos uma atenção especial em um post específico para ele. Mas não se preocupem: vários outros games, como o surgimento de Diablo III para os consoles e a sequência do divertidíssimo Rayman, também estão na pauta. Preparem o bolso e bom divertimento.

Continue reading

O Mal está de volta!

Diablo III Error 37

Depois de uma espera de anos a fio, de jogarmos e jogarmos seu predecessor até esgotarmos, finalmente podemos dizer: o Mal está de volta! Diablo III finalmente chega aos nossos PCs e um boom tomou conta da Internet. Milhares de pessoas só falam dele e milhões nem falam, pois estão ocupados demais jogando (ou tentando jogar) o game. Hoje, ele terá um cantinho todo especial no Press A Key, até porque foram 11 anos de espera, e nenhum Erro 37 vai nos impedir! Continue reading

Curtinhas 003

O Curtinhas está voltando em sua terceira edição porque tem coisa pra caramba pra falar, e eu já deixei de falar um montão de outras coisas nos posts anteriores. Então podem se preparar que aí vem bombardeio de notícias.

Primeiro, um dos melhores jogos de FPS está pra retornar. Os rumores sobre Call of Duty: Modern Warfare 3 estão a todo vapor e, aparentemente, até data de lançamento do game já tem previsão. A Kotaku americana afirma que Cod MW3 sai dia 8 de Novembro, e a história que corre por aí é que será o melhor FPS do ano disparado. Ainda segundo o blog, o jogo no modo single-player teria 15 missões, em diversos cenários ao redor do mundo, como o Dubai e, claro, Manhattam, começando do final do MW2 e transcorrendo por várias guerrilhas até a Terceira Guerra. Quanto ao multiplayer, além da lista de mapas disponíveis, teremos os modos “Survival” e “Mission”, provavelmente aqueles modos que estamos acostumados em ver. Não voltando o modo zombie de Black Ops, pra mim, tá bom (não sou contra zumbis, jogos de zumbis e etc. Só acho que a “modinha” tá saturando).

Falando em candidatos a jogos do ano – se é que vai sair esse ano -, Diablo III aparece com a confirmação da volta do aparecimento de companions. O (re)aparecimento dos acompanhantes (no bom sentido, claro – se bem que vocês podem entender que não existe mau sentido, mas enfim…) foi confirmado pela Blizzard, onde atuarão mais ou menos como os mercenários de Diablo II (ou seja, você não os controla, a IA do jogo fará isso por você), mas, dessa vez, eles terão uma storyline ligada com a história do jogo em si, com missões introdutórias e tudo. Embora aparentemente não seja obrigatório tê-los ao seu lado, é uma boa tentativa de enriquecer a história do jogo. Entre os confirmados até agora, estão Kormac, Eirena e Lyndon.

Marsha Thomason
Marsha Thomason

Agora migraremos um pouco para a sétima arte, que vai carregar consigo um bocado de títulos para as telonas. Mas algo curioso acontece com o futuro game do Hitman. Parada desde 2006, quando apareceu o Blood Money, a série resolveu reaparecer, e com pompas, pois Hitman: Absolution deve ter em seu staff diversos atores de Hollywood e, em seu desenvolvimento, a tecnologia de performance capture do filme Avatar. Entre os atores que devem participar do game, estão nomes como Keith Carradine, que faz parte do novo filme Cowboys & Aliens, onde será o vilão Blake Dexter (no jogo, não no filme), e Marsha Thomason, que esteve em Lost como Naomi Dorritt, e será Diana Bradswood, já conhecida pelos fãs de Hitman. Para os que não conhecem muito, a própria Marsha faz uma comparação interessante quando diz que a Diana está para o Agente 47 assim como “Q está para James Bond”.

Ainda no cinema, há poucos dias a Ubisoft anunciou a formação da Ubisoft Motion Pictures, estúdio que fará programas de TV e filmes baseados em seus títulos (tá ganhando pouco dinheiro a empresa). Ontem, já foi divulgada uma pequena lista de jogos da empresa que virarão filmes e animações: Assassin’s Creed, Splinter Cell e Ghost Recon irão para as telonas, enquanto Raving Rabbids vira desenho. Ficamos esperando ansiosamente pelos novos blockbusters, pois o Assassin’s Creed Lineage mostrou que eles têm tudo para fazer filmes de qualidade, como podemos ver abaixo:

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=7AYUtFSmS6s]

P.S.: ainda sobrou notícia, mas essas vão esperar =x

Revelações nada reveladoras

Tudo que tenho a dizer é que, depois das ações de marketing da Ubisoft usando a página do Facebook para instigar os fãs de Assassin’s Creed, com seus diversos teasers supostamente sem pé nem cabeça, essa jogada marketeira deu com os burros n’água. Se a tentativa era movimentar o público para o anúncio, que fora prometido há eras e realizado no último dia 5, sobre o novo AC, a Ubisoft deve ter ficado muito frustrada. “Droga… quem iria imaginar que iriam prestar TANTA ATENÇÃO nos nossos teasers?”, pode ter pensado o pessoal da empresa. “Hã… QUALQUER UM????”, penso eu. “Bah, mas essa jogada foi fantástica sim… todo mundo foi pra página deles, todo mundo se mobilizou e etc.”, você pode pensar. Eu vos digo: a movimentação ocorreu ATÉ a divulgação das descobertas no teaser. Fato esse *revelado* pela expectativa criada para a divulgação oficial do AC: Revelations. Pouca gente acompanhou a notícia com ânsia, até porque já se sabia que será lançado esse ano, já se sabia o nome do novo jogo, já se sabia que Altair… espere… será Ezio, ao contrário das indicações dos teasers, mostrando o nome de Altair pra lá e pra cá? DE NOVO? AAAAAAAAHHHH, espertinhos!!! E essa foi a grande revelação do anúncio.

Ficando velho, hein…

No último episódio da “trilogia de Ezio”, como foi chamada, o protagonista correrá e pulará pelos mesmos caminhos trilhados por Altair, assim como enfrentará os malditos templários, que nunca o deixam em paz. Mas a grande atração da sequência é que, como seu nome diz, muita coisa da história será revelada, e você finalmente não vai mais ficar a ver navios, sem entender bulhufas. Alexandre Amancio, creative director da Ubisoft, deu uma entrevista bastante interessante à Game Informer, citando como várias histórias poderão ser entendidas melhor com o Revelations – e o porquê de todo esse paparico com o Ezio -, como está o desenvolvimento do título e uma breve pincelada do que podemos esperar para o ACIII (em inglês).

Mas deixando um pouco os Assassinos de lado, a Blizzard *revelou* (ahn? ahn?), no último dia 9, um decréscimo no número de assinantes do MMO World of Warcraft, caindo de mais de 12 milhões de viciados, número alcançado após o lançamento da expansão Wrath of the Lich King, para “apenas” 11.4 milhões. Seria esse o início do fim da hegemonia? Parafraseando um desses vídeos bestas e famosos do YouTube, “hanram, Cláudia, senta lá”. A IGN frisou muito bem: uma boa parte destes 12 milhões faz parte do mercado chinês, que ainda não recebeu a expansão Cataclysm. Então, esses números podem acabar não representando muita coisa.

Continuando no ramo de revelações esperadas, essa foi tão esperada que ninguém esperava mais por ela. A Blizzard vai abrir a fase de beta testing de Diablo III (finalmente!) no terceiro trimestre do ano. Ninguém sabe se ele será aberto ou fechado, mas a data de lançamento do jogo – que é o mais importante -, ainda não foi divulgada. Mike Morhaime, presidente da Blizzard, citou mais uma vez que gostaria de vê-lo sendo lançado ainda esse ano, mas nenhuma data foi definida ainda. Pra mim, Mike Morhaime é um troll de altíssima categoria 😉